sábado, 2 de maio de 2015

DOAÇÃO DE LIVROS


Pessoal,
estou doando excelente material de Inglês/ Espanhol/ Hotelaria de CENTRO EUROPEU DE HOTELARIA-CURITIBA/PARANÁ, enciclopédias...etc

Interessados me ligarem urgente 3081-0833-Preciso desocupar espaço.

Graça Leal

sexta-feira, 1 de maio de 2015

ANIMAIS PERDIDOS


Quando meus 4 filhos eram menores, íamos sempre para o Rio das Ostras. Eu gostava desta praia, pela facilidade de acesso, rapidez da viagem e pelas belas paisagens.

Numa das vezes, meus filhos quiseram levar 2 gatos, além da nossa imensa bagagem de 6 pessoas!!!!

Ao pararmos para lancharmos em Piabanha, lugar aprazível, levamos os gatos para fazer suas necessidades mas a fêmea, assustou-se, e embrenhou-se em algum local que não conseguimos localizar.

Tentamos de tudo, em vão.

Durante toda a estadia, não esquecíamos o gatinho.

Na volta, não podíamos deixar de tentar. Conversei com o gerente pedindo para procurar no depósito já que os funcionários disseram que lá ficavam muitos gatos.

Entrei no depósito, estava escuro e vi dezenas de olhinhos me espreitando, enquanto eu chamava pelo nome, a gatinha. Não obtive êxito.

Então, retornei, ao mesmo local onde ela havia sumido, onde havia mais gatos e cachorros também e continuei a chamar e...eis que ouço o miadinho dela, em resposta.

Acreditem, acho que ela ficara, todos os 15 dias, no mesmo local, acuada. Peguei-a, ficamos todos muito surpresos, os funcionários e gerente disseram: - gato de madame é outra coisa.


Voltamos felizes e desde então, aprendemos cada vez mais como são os sentimentos dos animais e por isso repito: nunca desista quando o assunto é perda ou doença. Os animais têm grande poder de regeneração e sentimentos que ainda nem imaginamos.

quinta-feira, 30 de abril de 2015

REUNIÃO: ALMG- POLÍTICAS PÚBLICAS. VAMOS PARTICIPAR?

Hoje teremos a primeira reunião da Comissão Extraordinária de Proteção dos Animais! Essa é mais uma vitória de nós, protetores, e de toda população que ama e cuida dos bichinhos! Que tal vir participar com a gente? Será às 15h, no Plenarinho IV da ALMG. (Rua Rodrigues Caldas nº 30, bairro Santo Agostinho, aqui em BH!) Esperamos por você! Emoticon wink




ADOÇÃO: CRIAÇÃO DA COMISSÃO EM DEFESA DOS ANIMAIS NA ALMG

Movimento Mineiro pelos Direitos Animais

Prezados Deputadas e Deputados Estaduais, 
integrantes da Comissão de Proteção dos Animais - ALMG

  1. Deputado Noraldino Júnior / Presidente
  2. Deputada Celise Laviola
  3. Deputada Ione Pinheiro
  4. Deputado Agostinho Patrus Filho
  5. Deputado Anselmo José Domingos
  6. Deputado Dalmo Ribeiro Silva
  7. Deputado Elismar Prado
  8. Deputado Fred Costa
  9. Deputado Ricardo Faria
  10. Deputado Roberto Andrade 
Com nossas esperanças renovadas diante da criação desta importante Comissão de Proteção dos Animais da ALMG, agradecemo-lhes pela louvável iniciativa, estando o ativismo animalista desde já a postos para a construção coletiva da melhor legislação e políticas públicas de proteção animal pelo poder constituído com seus representantes.

O Parlamento Mineiro a partir de agora busca a vanguarda, atendendo à intensa reivindicação dos cidadãos e cidadãs que despertam-se, aceleradamente, para o respeito à senciência dos animais não humanos.

Anexo, ofício apresentado ao atual Governo de Minas Gerais, elencando toda demanda pelos animais não humanos, em nível estadual, como sugestão para nortear os trabalhos ora iniciados por essa Comissão, alinhada com o Poder Executivo, visando acelerarmos a mudança que urge acontecer!

Por uma Minas Gerais que respeite os Direitos Animais,         

Plataforma VOTO PELOS ANIMAIS



COMISSÃO ESTADUAL DE PROTEÇÃO DOS ANIMAIS
 
Comemoremos mais esta grande conquista coletiva, junto ao poder público mineiro, em prol dos animais não humanos!

Agradecemos ao Deputado Noraldino Júnior, Presidente da Comissão Estadual de Proteção dos Animais  e aos demais Deputados a constituí-la, por sua criação!

Finalmente, ao criar esta importante Comissão Estadual de Proteção dos Animais / ALMG, os Deputados Estaduais de Minas Gerais despertam para sua responsabilidade, prevista na Constituição Federal Brasileira / 1988 (art. 225, inc. VII),  quanto à defesa e proteção de toda fauna – silvestre, doméstica e exótica – conferindo ao tema a atenção necessária, juntamente com todos os demais, de competência do parlamento mineiro.

A responsabilidade pela defesa e proteção dos animais não humanos é coletiva. Cresce, a cada dia, a consciência da população, o exercício de sua cidadania e controle social junto aos seus eleitos reivindicando leis e políticas públicas que protejam os animais não humanos e seus habitats naturais como um todo.

Vivenciamos o novo tempo, onde neurocientistas de todo mundo assinaram em 2012 a Declaração de Cambridge, provando a senciência animal e assim, a capacidade dos animais não humanos de sentir dor, medo, fome, frio, sede, alegria, tristeza, depressão, saudade etc.

Devido a essa constatação, a França alterou seu Código Civil, retirando esses seres da condição de bens móveis passando a considerá-los seres sencientes.

No Brasil, vários Estados também caminham na vanguarda, construindo uma legislação e política pública modernas, biocêntricas, antiespecistas e não utilitaristas, considerando o direito à vida dos animais não humanos, e não, uma legislação que os coloque em condições de servir à espécie humana.

Na contramão dessa realidade, diante de tamanha demanda, é absurdo o fato da Assembleia Legislativa de Minas Gerais ter aprovado, até o ano de 2015, SOMENTE UMA LEI DE PROTEÇÃO ANIMAL, a lei estadual nº 21.159/2014, de autoria do Deputado Alencar da Silveira, proibindo o uso de animais em espetáculos circenses, tornando Minas Gerais o 10º Estado brasileiro a legalizar tal proibição. Inadmissível também é nosso Estado Mineiro ser pentacampeão nacional da devastação da Mata Atlântica e estar com 70% de seus parques estaduais, comprometendo gravemente o habitat da fauna silvestre, a cada dia, mais ameaçada de extinção. Só para exemplificar a enorme e diversificada demanda à espera de um parlamento comprometido que a considere, o que dizer da quantidade de cães e gatos sendo abandonados a todo instante, proliferando-se descontroladamente e expostos a todo tipo de crime ambiental, devido à ausência de legislação que trate do tema? E sobre as inocentes capivaras que aceleradamente, migram para os centros urbanos, devido à destruição de seus habitats, sem que haja uma política pública de manejo populacional ético desses animais semiaquáticos? Quais as propostas para coibir o tráfico e comércio de animais, exercido impunemente, em grande parte, devido à omissão do poder constituído? Em meio a tanta tecnologia, profissões, recursos públicos, políticas sociais e tudo mais, como justificar a escravidão de cavalos em pleno século XXI, expostos ao açoite ao serem aprisionados em carroças e charretes? E por aí vão, outras tantas explorações humanas, muitas delas, disfarçadas de cultura e tradição ...

A destinação de recursos orçamentários no Plano Plurianual de Ação Governamental e o investimento constante na conscientização da população são ações que urgem acontecer, mudando na base, toda a realidade quanto aos Direitos Animais, até então, de descaso e indiferença por parte considerável do poder constituído.

Louvamos a presente iniciativa, quanto à criação da Comissão Estadual de Proteção Animal, esperando que essa transcenda o parlamento mineiro, integrando todo o poder público afim ao tema, juntamente à população, para a construção coletiva que se apresenta.
O ativismo animalista multiplica-se e politiza-se a cada dia, no intenso exercício de sua cidadania pelos animais não humanos, buscando o diálogo com o poder constituído para a construção democrática da melhor legislação e políticas públicas pelos Direitos Animais.

Mantendo-nos a postos, empenharemo-nos ao máximo para que esta importante Comissão Estadual de Proteção Animal - ALMG colha os resultados há muito almejados por parte significativa da população. Desejamos sucesso aos Deputados estaduais nessa estrada a ser percorrida por representantes e representados no poder constituído.

Que a partir de agora, saiamos da estagnação em que nosso estado mineiro encontra-se, quanto à proteção animal, estendendo o lema de nossa bandeira “Libertas quae sera tamen” aos animais não humanos, promovendo e preservando seu direito de existir, isentos da exploração, crueldade e do sofrimento provocado.

Por uma Minas Gerais que respeite os Direitos Animais,

Plataforma VOTO PELOS ANIMAIS

Voto Pelos Animais - Comitê Organizador
Assessoria de Imprensa
(31)9229-6462

REFERÊNCIAS


Solenidade de criação da COMISSÃO ESTADUAL DE PROTEÇÃO DOS ANIMAIS

Lei estadual MG nº 21.159/2014
Proíbe, no território do estado, a apresentação, a manutenção e a utilização de animais silvestres ou domésticos, nativos ou exóticos, em espetáculos circenses (Dep. Alencar da Silveira)

Declaração de Cambridge: “Os animais têm consciência” – julho 2012

Alteração do Código Civil considerando animais não humanos como seres sencientes – 2015

Pela 5ª vez, Minas Gerais é o Estado que mais destrói a Mata Atlântica

MG tem 70% das áreas protegidas abandonadas

Ministério Público aponta falta de cuidado e irregularidades nos gastos com unidades de conservação.

Caso não esteja visualizando o e-mail abaixo, acesse este link.

Eu Protejo os Animais
O Presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, deputado Adalclever Lopes, convida para a solenidade de instalação da Comissão Extraordinária de Proteção dos Animais.
 
28 de abril de 2015 (terça-feira) – 16 horas
Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 30 – Santo Agostinho
Belo Horizonte – MG
 
 
Programação
14 às 18 horas: Evento de adoção de animais
Local: Pátio das Bandeiras
16 horas: Solenidade de instalação da
Comissão Extraordinária de Proteção dos Animais
Local: Espaço Democrático José Aparecido de Oliveira
 
Ah! O seu animal de estimação também é bem vindo! ;-)
Assembleia de MinasLinha
Estamos também:
Facebook Twitter youtube rss issuu
Diretoria de Comunicação Institucional
Rua Martim de Carvalho, 94 – 7º andar – Santo Agostinho
Belo Horizonte – MG – 30190-090

quarta-feira, 29 de abril de 2015

ADOÇÃO- VOCÊ TAMBÉM É RESPONSÁVEL POR AQUELE QUE CRUZA SEUS CAMINHOS.




Antes de tirar foto daquele animal abandonado e enviar para a protetora que você conhece, pense em como VOCÊ pode ajudar aquele peludinho!

As protetoras não tem obrigação de acolher aquele animal abandonado que você viu e não fez nada a respeito! Elas já estão fazendo o impossível para cuidar dos animais que estão com elas!

Por isso antes de simplesmente mandar a foto e demandar ajuda pense em como VOCÊ vai ajudar.

* Você pode oferecer lar temporário? 
* Transportar o animal até o veterinário? 
* Doar a ração? 
* Pagar a conta no veterinário? 
* Fazer uma vaquinha entre seus amigos ? 
* Fazer um cartaz e divulgar o bichinho para adoção? 

O mundo precisa de mais atitude e menos dó! 





terça-feira, 28 de abril de 2015

ADOÇÃO: ACOLHA UM ANIMAL EM SUA CASA!








Pessoal,


O nosso Blog, ontem teve 650 visualizações: muitos deles 


me ligando e pedindo ajuda para animais abandonados,

 judiados, doentes...

Eu não sei se as pessoas estão mais conscientizadas ou se 

há mais animais abandonados pelas ruas.

Tenho paciência para orientar. As pessoas sempre têm

 dificuldades de levar para casa e acreditam que existam 

locais, bancados pelo Município para acolher estes animais.

eu esclareço que não há e o protetores que recolhem estão

 lotados, estressados, endividados...

Todos os dias, é o mesmo desespero.Onde abrigar tantos 

animais??

Só Deus e a consciência de cada um em salvar um animal 

que seja e acolhê-lo em casa.



domingo, 26 de abril de 2015

ADOÇÃO= LINDO, SAUDÁVEL E COMPANHEIRO!


 Peguei este animal de nome Chico para criar com aproximadamente 20 dias. A moça resgatou-o e outros irmãozinhos e adotei para ajudá-la a tirá-los da rua.
 Ele está com mais ou menos 3 meses, vermifugado, com 3 doses de vacina. 
É um cachorro muito bem cuidado, com boa saúde. Ele gosta de companhia e de atenção.Como resido em apto e ele está crescendo, a qualidade de vida dele fica limitada, ele precisa de mais espaço por isso vou doá-lo para quem possa compartilhar a continuação dessa dedicação com a qual o acolhemos. Obrigado.

 Contato:
 Matheus Duarte - Pizza Point Buritis (031) 88914406 m.diasduarte@terra.com.br m.diasduarte@icloud.com



CONVITE: ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE MINAS GERAIS






CONVITE A TODA POPULAÇÃO
28 de abril, terça, 16 h, Assembleia Legislativa de Minas Gerais

Solenidade de criação da
COMISSÃO ESTADUAL DE PROTEÇÃO DOS ANIMAIS

Comemoremos mais esta grande conquista coletiva, junto ao poder público mineiro, em prol dos animais não humanos!

Agradecemos ao Deputado Noraldino Júnior, Presidente da Comissão Estadual de Proteção dos Animais  e aos demais Deputados a constituí-la, por sua criação!

Finalmente, ao criar esta importante Comissão Estadual de Proteção dos Animais / ALMG, os Deputados Estaduais de Minas Gerais despertam para sua responsabilidade, prevista na Constituição Federal Brasileira / 1988 (art. 225, inc. VII),  quanto à defesa e proteção de toda fauna – silvestre, doméstica e exótica – conferindo ao tema a atenção necessária, juntamente com todos os demais, de competência do parlamento mineiro.

A responsabilidade pela defesa e proteção dos animais não humanos é coletiva. Cresce, a cada dia, a consciência da população, o exercício de sua cidadania e controle social junto aos seus eleitos reivindicando leis e políticas públicas que protejam os animais não humanos e seus habitats naturais como um todo.

Vivenciamos o novo tempo, onde neurocientistas de todo mundo assinaram em 2012 a Declaração de Cambridge, provando a senciência animal e assim, a capacidade dos animais não humanos de sentir dor, medo, fome, frio, sede, alegria, tristeza, depressão, saudade etc.

Devido a essa constatação, a França alterou seu Código Civil, retirando esses seres da condição de bens móveis passando a considerá-los seres sencientes.

No Brasil, vários Estados também caminham na vanguarda, construindo uma legislação e política pública modernas, biocêntricas, antiespecistas e não utilitaristas, considerando o direito à vida dos animais não humanos, e não, uma legislação que os coloque em condições de servir à espécie humana.

Na contramão dessa realidade, diante de tamanha demanda, é absurdo o fato da Assembleia Legislativa de Minas Gerais ter aprovado, até o ano de 2015, SOMENTE UMA LEI DE PROTEÇÃO ANIMAL, a lei estadual nº 21.159/2014, de autoria do Deputado Alencar da Silveira, proibindo o uso de animais em espetáculos circenses, tornando Minas Gerais o 10º Estado brasileiro a legalizar tal proibição. Inadmissível também é nosso Estado Mineiro ser pentacampeão nacional da devastação da Mata Atlântica e estar com 70% de seus parques estaduais, comprometendo gravemente o habitat da fauna silvestre, a cada dia, mais ameaçada de extinção. Só para exemplificar a enorme e diversificada demanda à espera de um parlamento comprometido que a considere, o que dizer da quantidade de cães e gatos sendo abandonados a todo instante, proliferando-se descontroladamente e expostos a todo tipo de crime ambiental, devido à ausência de legislação que trate do tema? E sobre as inocentes capivaras que aceleradamente, migram para os centros urbanos, devido à destruição de seus habitats, sem que haja uma política pública de manejo populacional ético desses animais semiaquáticos? Quais as propostas para coibir o tráfico e comércio de animais, exercido impunemente, em grande parte, devido à omissão do poder constituído? Em meio a tanta tecnologia, profissões, recursos públicos, políticas sociais e tudo mais, como justificar a escravidão de cavalos em pleno século XXI, expostos ao açoite ao serem aprisionados em carroças e charretes? E por aí vão, outras tantas explorações humanas, muitas delas, disfarçadas de cultura e tradição ...

A destinação de recursos orçamentários no Plano Plurianual de Ação Governamental e o investimento constante na conscientização da população são ações que urgem acontecer, mudando na base, toda a realidade quanto aos Direitos Animais, até então, de descaso e indiferença por parte considerável do poder constituído.

Louvamos a presente iniciativa, quanto à criação da Comissão Estadual de Proteção Animal, esperando que essa transcenda o parlamento mineiro, integrando todo o poder público afim ao tema, juntamente à população, para a construção coletiva que se apresenta.
O ativismo animalista multiplica-se e politiza-se a cada dia, no intenso exercício de sua cidadania pelos animais não humanos, buscando o diálogo com o poder constituído para a construção democrática da melhor legislação e políticas públicas pelos Direitos Animais.

Mantendo-nos a postos, empenharemo-nos ao máximo para que esta importante Comissão Estadual de Proteção Animal - ALMG colha os resultados há muito almejados por parte significativa da população. Desejamos sucesso aos Deputados estaduais nessa estrada a ser percorrida por representantes e representados no poder constituído.

Que a partir de agora, saiamos da estagnação em que nosso estado mineiro encontra-se, quanto à proteção animal, estendendo o lema de nossa bandeira “Libertas quae sera tamen” aos animais não humanos, promovendo e preservando seu direito de existir, isentos da exploração, crueldade e do sofrimento provocado.

Por uma Minas Gerais que respeite os Direitos Animais,

Plataforma VOTO PELOS ANIMAIS

Voto Pelos Animais - Comitê Organizador
Assessoria de Imprensa
(31)9229-6462

REFERÊNCIAS


Solenidade de criação da COMISSÃO ESTADUAL DE PROTEÇÃO DOS ANIMAIS

Lei estadual MG nº 21.159/2014
Proíbe, no território do estado, a apresentação, a manutenção e a utilização de animais silvestres ou domésticos, nativos ou exóticos, em espetáculos circenses (Dep. Alencar da Silveira)

Declaração de Cambridge: “Os animais têm consciência” – julho 2012

Alteração do Código Civil considerando animais não humanos como seres sencientes – 2015

Pela 5ª vez, Minas Gerais é o Estado que mais destrói a Mata Atlântica

MG tem 70% das áreas protegidas abandonadas

Ministério Público aponta falta de cuidado e irregularidades nos gastos com unidades de conservação.

Caso não esteja visualizando o e-mail abaixo, acesse este link.

Eu Protejo os Animais
O Presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, deputado Adalclever Lopes, convida para a solenidade de instalação da Comissão Extraordinária de Proteção dos Animais.
 
28 de abril de 2015 (terça-feira) – 16 horas
Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 30 – Santo Agostinho
Belo Horizonte – MG
 
 
Programação
14 às 18 horas: Evento de adoção de animais
Local: Pátio das Bandeiras
16 horas: Solenidade de instalação da
Comissão Extraordinária de Proteção dos Animais
Local: Espaço Democrático José Aparecido de Oliveira
 
Ah! O seu animal de estimação também é bem vindo! ;-)
Assembleia de MinasLinha
Estamos também:
Facebook Twitter youtube rss issuu
Diretoria de Comunicação Institucional
Rua Martim de Carvalho, 94 – 7º andar – Santo Agostinho
Belo Horizonte – MG – 30190-090